Qual é a principal diferença do IWC?

Com a data de encerramento das inscrições para o 40º International Wine Challenge a aproximar-se rapidamente, a Canopy dá conta da principal razão para inscrever os seus vinhos...

 
O IWC está a preparar-se para o 40ª evento anual.
A poucas semanas do fim do prazo de inscrição, a Canopy analisa a principal diferença deste concurso.

Numa única palavra, a principal diferença deste concurso é a imparcialidade. E em duas palavras, é uma imparcialidade sem igual.
Cada vinho é avaliado "100% às cegas". Isto significa que é efectuada por jurados talentosos e experientes e não por especialistas regionais que possam reconhecer o vinho e o produtor. Significa que cada um dos cerca de 500 jurados irá provar uma grande variedade de vinhos de todo o mundo durante os 10 dias do concurso. A escolha do vinho a avaliar é totalmente aleatória. Os jurados têm apenas de avaliar o vinho pelos seus próprios méritos, sem qualquer informação sobre preço ou sobre o produtor. Apenas têm informação sobre a/s castas/s, o tipo de vinho, a região e o ano de colheita.
Isto garante uma avaliação justa e imparcial o que torna a atribuição de medalhas também mais justa, contribuindo para a reputação do IWC de ser o concurso internacional de vinhos mais rigoroso e respeitado.

Jamie Tim
Um vinho medalhado pelo IWC é provado por um mínimo de 11 jurados experientes antes de receber a sua medalha de ouro, prata ou bronze. A equipa de jurados é liderada por estes estimados co-presidentes: Tim Atkin MW (em cima, ao longe), Oz Clarke, Dr. Jamie Goode (em cima, ao perto), Peter McCombie MW, Sam Caporn MW e Helen McGinn. Aqui está uma lista dos jurados do ano passado. 
Oz
Oz Clarke (acima) diz: "Os produtores devem participar no IWC porque sabem que os seus vinhos serão rigorosamente avaliados por jurados do mundo inteiro, altamente qualificados, bem como pelos co-presidentes que, entre eles, cobrirão todos os estilos possíveis de vinho que o mundo tem para oferecer". 
Todo o processo de seleção foi concebido para garantir uma avaliação justa e imparcial das candidaturas. É composto por três fases para garantir que cada vinho tem uma oportunidade justa de impressionar os jurados vindos de quase 40 países e agrupados em painéis de cinco pessoas. Estes painéis são chefiados por distintos presidentes de painel, tais como Madeleine Stenwreth MW, Winnie Bowman, Christy Canterbury MW, Brendan Heath, Ken Ohashi MW, Martin R Reyes MW, Joe Wadsack, Matthew Stubbs MW, Annette Scarfe MW, Clem Yates MW, Anne Burchett, Susan Hulme MW, Elizabeth Kelly MW, Richard Kershaw MW e Cathy Van Zyl MW.

1. Primeira Ronda
Durante a Primeira Ronda, os vinhos são sujeitos a uma avaliação inicial. São marcados como "fora", recebem a designação de "recomendado" ou avançam para a ronda seguinte como potenciais vencedores de medalhas. Todos os vinhos classificados como "fora" ou "recomendados" são novamente provados pelos co-presidentes do IWC para confirmar a classificação dada ou, ao contrário, voltar a integrá-los no concurso para a Segunda Ronda onde será feita uma avaliação mais aprofundada.

2. Segunda Ronda
A Segunda Ronda envolve uma avaliação mais pormenorizada. É nesta fase que os vinhos são galardoados com medalhas de Ouro, Prata ou Bronze (ou excluídos ou recomendados). Nesta fase, são também atribuídos pontos aos vinhos. Os co-presidentes do IWC provam novamente todos os vinhos para garantir a exatidão e a consistência dos resultados.

3. Prova para Trophy
Os vinhos com medalha de Ouro e considerados excepcionais passam à fase de avaliação dos Trophy. Nesta fase, são atribuídos troféus regionais, nacionais e varietais. Todos os vinhos premiados com troféus são submetidos a uma avaliação final pelos co-presidentes do IWC para selecionar os vinhos campeões.

Com a sua reputação infalível, adquirida ao longo de quatro décadas de realização deste concurso de renome, o IWC não só estabelece um padrão de prova imparcial, como autentica o trabalho árduo dos produtores medalhados, promovendo-os a nível mundial. Está provado que ganhar prémios no IWC pode aumentar significativamente as vendas, melhorar a visibilidade da marca e abrir portas a novos mercados.

Novidade

Uma nova caraterística deste ano, que também acrescenta valor às inscrições no IWC, é o facto de todos os vinhos provados receberem feedback. O concurso é também assim uma óptima forma de fazer benchmark aos seus vinhos.

Inscreva-se já

O IWC oferece uma taxa de inscrição com óptimo valor, sem custos ocultos. Acreditamos na transparência e acessibilidade, assegurando que os produtores de todas as dimensões e origens possam participar e apresentar os seus vinhos a nível internacional.

Calendário IWC 2024

Prazo para envio agrupado: disponível aqui
Prazo para envio privado:
15 de Março de 2024
Prazo para envio privado desde o Reino Unido:
25 de Março de 2024
Provas para atribuição de medalhas:
de 15 a 25 de Abril de 2024
Provas para atribuição de Trophy:
28 e 29 de Abril de 2024
Resultados - vinhos medalhados:
16 de Maio de 2024
Resultados - Trophy:
21 de Maio de 2024
Cerimónia de entrega de Prémios IWC:
9 de Julho de 2024


Custo de inscrição

Preço para inscrição online de um vinho (sem custo oculto): 153£ + IVA*
Preço para inscrição de um vinho no Discovery Tasting (a adicionar ao custo de inscrição por vinho):
79£ + IVA*
Preço para envio agrupado por vinho:
63,50£ + IVA*

*Apenas para o Reino Unido. Empresas da EU com um NIF válido não têm de pagar o IVA do RU. 

Inscreva-se já

Este texto é uma tradução do artigo original em inglês.

Join International Wine Challenge

Enter Now
  • Sponsors of the Supermarket of the Year Award
  • iFavine
  • Sponsors of the Great Value Sake Award
  • Sponsors of Buying Team of the Year
  • Sponsors of the Large Independent of the Year Award
  • Sponsors of Wine Educator of the Year
  • Sponsors of IWC Online Retailer of the Year
  • Sponsors of IWC Sake Brewer of the Year
  • Sponsors of IWC Champion Sake of the Year
  • Sponsors of the Rosé Specialist Merchant of the Year Award
  • Supporter 4
  • Supporter 5
  • Hillebrand Gori